A importância do Blog para E-commerce

A importância do blog para e-commerce

As empresas que estão antenadas no mercado sabem muito bem qual é a importância do blog para e-commerce, principalmente no que diz respeito ao aumento do tráfego e o aumento na geração de leads.
No entanto, inúmeros outros benefícios ainda estão a favor de quem investe nessa poderosa ferramenta de marketing, especialmente para o comércio eletrônico.
O importante é pensar que, uma vez que grande parte dos concorrentes não investe em blogs, essa é uma enorme vantagem competitiva para você, já que será possível destacar sua empresa das restantes.
Um blog para e-commerce apresenta muitas vantagens. Algumas delas estão listadas a seguir.
Atrai mais visitantes ao site:
O blog está diretamente ligado ao marketing de conteúdo, cujos principais objetivos são os que mencionamos anteriormente: entregar informações relevantes e ensinar algo aos usuários. Essa é uma das principais estratégias de atração nos dias de hoje, já que é comum as pessoas procurarem, no Google, respostas para quaisquer de suas perguntas.
Assim, a empresa que consegue gerar conteúdos valiosos tem mais chances de ter sua página acessada por quem busca conhecimento, e a partir disso, fazer com que esses visitantes cheguem ao site da loja virtual.
Aumenta a autoridade da empresa:
Transmitir conteúdo educativo e aprofundado a uma audiência faz com que a empresa se torne mais notada e admirada por sua experiência e seus conhecimentos na área.
Por meio dessa estratégia a marca mostra que não quer apenas vender, mas que entende bastante sobre o nicho no qual atua. Com isso, ela se torna autoridade no assunto, como se fosse aquele professor no qual sempre confiamos para tirar nossas dúvidas.
Fortalece a marca:
Desde que você consiga aplicar boas estratégias de SEO, a partir do momento em que os consumidores chegam ao seu blog e reparam na loja, ela ganha mais visibilidade. Esse fato tende a aumentar a confiança na empresa.
À medida que a marca se apresenta como relevante e conhecedora do assunto, ela ganha respaldo perante a comunidade. A consequência dessas ações é seu fortalecimento.
Diminui as inseguranças dos leads:
Leads são aqueles visitantes propensos a fazer uma aquisição, mas que ainda não se decidiram sobre tal. A maioria dos compradores passa por essa fase, afinal, todos precisam sentir que o e-commerce é idôneo e que os produtos oferecidos suprirão suas necessidades.
Demonstrar know-how sobre aquilo com o que se trabalha faz com que esses quase compradores avancem uma etapa da jornada e se sintam mais confiantes na aquisição.
Criar relacionamento com o público:
Nos tempos atuais, uma das melhores formas de fazer com que os leads se tornem clientes e depois sejam compradores recorrentes e fidelizados é investir no relacionamento. Os conteúdos gerados servem como um meio de comunicação, nos quais a empresa transmite informações.
Esses artigos podem, ainda, ser postados em redes sociais, com o objetivo de gerar engajamento. Por meio das interações, é possível estimular debates sobre os temas, além de responder às dúvidas dos seguidores.
Aumenta as vendas:
Com todas essas vantagens do blog aumentar o tráfego orgânico para o site da loja, ganhar mais notoriedade no mercado, melhorar o relacionamento com os consumidores e se mostrar confiável, as vendas tendem a crescer.
No entanto, é preciso saber que os conteúdos não podem ser criados apenas para alimentar as páginas: eles precisam ser interessantes, instrutivos e trabalhar temas que tenham a ver com o perfil do público e os produtos vendidos pela marca.
Como criar um blog para e-commerce?
É fundamental que o blog esteja presente no mesmo domínio e integrado à plataforma da loja virtual. Assim, o Google entende que os sites pertencem ao mesmo local, o que influencia positivamente no ranqueamento.
Essa é uma forma mais fácil dos visitantes perceberem quem se comunicam com eles. O SEO deve trabalhado nas duas páginas, a fim de que as pessoas cheguem ao site da loja virtual cada vez que realizam pesquisas nos buscadores.
Algumas dicas são fundamentais nesse processo. Acompanhe!
Crie um plano de marketing de conteúdo:
Defina os conteúdos que serão publicados no blog, de acordo com as etapas do funil de vendas. Elas se referem à atração, à consideração e à decisão. Dessa forma, você consegue oferecer artigos direcionados a todos os perfis e necessidades do público, induzindo-o a avançar na jornada de compras.
Invista em uma boa plataforma:
A plataforma é o que viabiliza o funcionamento da sua loja virtual. Esse é um dos principais investimentos para quem vende online, já que sua qualidade influencia na boa experiência de compra. É importante que ela seja robusta e escalável, para aguentar as demandas do seu e-commerce conforme o crescimento do número de acessos e clientes.
Além disso, a plataforma precisa permitir a integração com o blog para que a empresa consiga usufruir de todas as vantagens apresentadas. Isto é: a possibilidade de manter o blog no mesmo domínio que sua loja virtual está localizada.
Faça divulgação:
Realize a divulgação dos conteúdos para buscar mais tráfego orgânico. Eles podem ser postados em redes sociais e promovidos por meio de anúncios, sendo uma oportunidade para chamar a atenção de usuários que estejam alinhados aos serviços da empresa. O e-mail marketing é outra possibilidade, já que, por meio de uma lista segmentada, os consumidores conhecem um pouco mais sobre a proposta do negócio.
Um blog para e-commerce é, então, uma oportunidade para que as vendas aumentem e para que a marca tenha mais sucesso e consolidação no mercado. Invista com foco no longo prazo e tenha ferramentas de qualidade para ajudar nesse processo.
Você vai ganhar pontos na otimização do e-commerce, aparecer nos primeiros resultados do Google quando um potencial cliente realiza uma busca aumentam as suas chances de ganhar visitas e, claro, vender mais.

Fonte: Tray Corp e Rock Content

Siga-nos no Facebook 

Veja mais conteúdos em nosso Blog

Deixe um comentário